Publicado por: mvmportugues | maio 24, 2018

O SENHORIO DE JESUS CRISTO – Lucas 6:46

Por que vocês me chamam “Senhor, Senhor” e não fazem o que eu digo?” – Lucas 6:46 

É vital entender que Jesus Cristo veio à Terra para nos reconciliar com o Pai; Ele morreu na cruz para nos salvar de uma eternidade no inferno e nos dar o dom gratuito da salvação. É fundamental entender que, ao aceitá-Lo como nosso Salvador, também precisamos torná-Lo o Senhor de nossa vida. 

Muitos dizem: “Jesus é meu Salvador, mas eu ainda não o fiz o Senhor da minha vida”. Por favor, entenda que as únicas pessoas prontas para o Seu retorno são aquelas que diariamente procuram trazer cada área de sua vida sob Seu Senhorio. A obediência, é a marca de um verdadeiro cristão, e se você não tem certeza, examine-se para ver se você está na fé (2 Coríntios 13:5), porque aqueles que estão prontos para o retorno de Cristo procuram segui-Lo como Senhor. 

Paulo disse: “Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a Deus, pois ele os comprou e pagou o preço. Portanto, usem o seu corpo para a glória dele” (1 Coríntios 6:19-20). 

O senhorio ensina que uma verdadeira profissão de fé será apoiada por evidências de fé. Se uma pessoa estiver realmente seguindo o Senhor, ela obedecerá às instruções do Senhor. Uma pessoa que vive em pecado intencional e impenitente obviamente não escolheu seguir a Cristo, porque Cristo nos chama do pecado e nos leva à justiça. De fato, a Bíblia ensina claramente que a fé em Cristo resultará em uma vida transformada (2 Coríntios 5:17; Gálatas 5:22-23). 

Para estar pronto para a vinda de Jesus, devemos viver na expectativa de Seu iminente retorno, como Ele declara: “Bem-aventurados aqueles servos, os quais, quando o Senhor vier, achar vigiando!” (Lucas 12:37), e Ele continua, “Vocês, também, fiquem alertas, porque o Filho do Homem vai chegar quando não estiverem esperando” (Lucas 12:40). 

Se você está esperando um convidado, especialmente um convidado importante, você vive de maneira diferente. Sua casa estará impecável; todas as camas feitas. Seu quintal limpo e você pode até ter algumas flores dentro da casa. Você quer que as coisas estejam limpas e apresentáveis, porque você está esperando um convidado especial. 

Então se você está esperando o Rei dos reis e o Senhor dos senhores, como deve viver sua vida? Você se sentiria confortável se Ele viesse enquanto você estiver assistindo um programa de TV impróprio e tiver revistas indesejáveis ​​na sua mesa? Jesus diz que devemos estar prontos imediatamente para abrir a porta para Ele quando Ele vier (Lucas 12:36). Nós não deveríamos ter que gritar: “Espere um minuto”, enquanto nós desligamos a TV e escondemos um monte de coisas embaraçosas no armário. 

Então, para estar pronto para o retorno de Cristo, certifique-se de que Ele é o seu Mestre; esteja envolvido em servi-Lo todos os dias; e viva como se esperasse que Ele voltasse a qualquer momento. 

Podemos nos perguntar: estou vivendo apenas para hoje, sem consideração pelo retorno do Mestre e pela responsabilidade que Ele exigirá? Você está imprudentemente colocando isso fora de sua mente pensando: “Eu tenho tempo”? Jesus diz que devemos ser “como homens que estão esperando por seu mestre quando ele retornar”. Devemos viver cada dia com a expectativa de que um dia “o Senhor mesmo descerá do céu com um brado de comando, com a voz do arcanjo e com o toque da trombeta de Deus” (1 Tessalonicenses 4:16), e que seremos abençoado quando o Mestre nos encontrar prontos quando Ele vier por nós.

Aqui estão alguns pontos para pensar: 

  • O arrependimento é uma mudança de mente, de viver em pecado e rejeitar a Cristo, à aceitá-Lo e rejeitar o pecado (Atos 3:19). O arrependimento genuíno vem quando uma pessoa se submete ao senhorio de Cristo, resultando em uma mudança de comportamento (Atos 26:18-20). 
  • A fé é crença em Jesus Cristo, não em uma promessa, oração ou um credo (João 3:16). A fé deve envolver um compromisso pessoal com Cristo (2 Coríntios 5:15). É mais do que estar convencido da verdade do evangelho; é um abandono deste mundo e um seguimento do Mestre. A fé verdadeira sempre produz uma vida transformada (2 Coríntios 5:17). A pessoa interior é transformada pelo Espírito Santo (Gálatas 2:20), e os nascidos de novo têm uma nova natureza (Romanos 6:6). 
  • Aqueles que se submetem ao senhorio de Cristo seguem Jesus: “Minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem” (João 10:27). Eles amam seus irmãos (1 João 3:14), obedecem aos mandamentos de Deus (1 João 2:3), fazem a vontade de Deus (Mateus 12:50), permanecem na Palavra de Deus (João 8:31), e guardam a Palavra de Deus (João 17:6). 

As escrituras ensinam que Cristo exige rendição incondicional à Sua vontade (Romanos 6:17-18). Aqueles que vivem em rebelião contra Deus não terão a vida eterna, pois “Deus se opõe aos orgulhosos, mas concede graça aos humildes” (Tiago 4:6).

Por favor, entendam que aqueles que realmente crêem em Cristo irão amá-Lo, e aqueles que amamos, nós desejamos agradar (João 14:23). Se uma pessoa não está disposta a obedecer a Cristo, ela fornece evidência de que sua “fé” é apenas em nome (1 João 2:4). Uma pessoa pode reivindicar Jesus como Salvador e fingir obedecer por um tempo, mas, se não houver mudança de coração, sua verdadeira natureza acabará se manifestando. Este foi o caso de Judas Iscariotes. Por outro lado, um crente genuíno pode tropeçar e cair, mas persevera na fé (1 Coríntios 1:8), e este foi o caso de Simão Pedro.

Agora, um “crente” que se afasta completamente do Senhor mostra claramente que ele nunca nasceu de novo (1 João 2:19), porque um pecador que se recusa a se arrepender não é salvo, pois ele não pode se apegar ao pecado e ao Salvador ao mesmo tempo. E um pecador que rejeita a autoridade de Cristo em sua vida não tem fé salvadora, pois a fé verdadeira engloba uma entrega total a Deus. Assim, o evangelho requer mais do que tomar uma decisão intelectual ou fazer uma oração; a mensagem do evangelho é um chamado ao discipulado. As ovelhas seguirão o seu Pastor na obediência submissa e farão dele o Senhor da sua vida. 

Não devemos dar aos pecadores impenitentes falsas esperanças; antes, vamos declarar todo o conselho de Deus: “É necessário nascer de novo” (João 3:7) e avisá-los que Jesus disse: “Nem todos que me chamam: ‘Senhor! Senhor!’ entrarão no reino dos céus, mas apenas aqueles que, de fato, fazem a vontade de meu Pai, que está no céu” (Mateus 7:21).


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: