Publicado por: mvmportugues | janeiro 18, 2018

APRENDENDO SOBRE A NATUREZA DE DEUS – Salmo 86:15

Mas tu, Senhor, és Deus compassivo e misericordioso, muito paciente, rico em amor e em fidelidade. (Salmo 86:15) 

A Bíblia ensina que Deus é rico em amor, muito paciente, compassivo e misericordioso conforme descrito em (Salmos 86:15), e o apóstolo João escreveu que: “Deus é amor” (1 João 4:8). 

Há muitas passagens bíblicas em que lemos sobre como Deus cuida de nós. “Portanto, humilhem-se debaixo da poderosa mão de Deus, para que ele os exalte no tempo devido. Lancem sobre ele toda a sua ansiedade, porque ele tem cuidado de vocês” (1 Pedro 5:6-7). Esse é um pensamento muito reconfortante. 

Outra passagem escrita pelo profeta Jeremias nos diz: “Graças ao grande amor do Senhor é que não somos consumidos, pois as suas misericórdias são inesgotáveis. Renovam-se cada manhã; grande é a sua fidelidade!  Digo a mim mesmo: A minha porção é o Senhor; portanto, nele porei a minha esperança” (Lamentações 3:22-24). 

No entanto, a Bíblia também ensina claramente que há um outro aspecto do caráter de Deus que é crucialmente importante, que é Sua Santidade. Levítico 11:44; Isaías 6:3; 1 Pedro 1:16 todos falam, “sejam santos, porque eu sou santo”, e é isso que Satanás quer que nós ignoramos. 

A Bíblia ensina que Deus é perfeitamente Santo. Por causa desse atributo de Seu caráter, Ele não pode tolerar o pecado: “O Senhor é muito paciente e grande em fidelidade, e perdoa a iniqüidade e a rebelião, se bem que não deixa o pecado sem punição… “ (Números 14:18). A Bíblia nos diz que Deus deve lidar com o pecado, e Ele faz isso de duas maneiras: ou pela graça ou pela ira. 

João 3:16 diz: “Porque Deus amou tanto o mundo que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”. Mas poucos parecem tomar nota das palavras registradas alguns versos depois: “Aquele que crê no Filho tem a vida eterna, mas aquele que não obedece ao Filho não verá a vida, mas a ira de Deus permanece nele” (João 3:36). 

Nós estamos sob a graça de Deus colocando nossa fé em Jesus e apropriando Seu sacrifício expiatório para nossas vidas (1 João 1:7). Não há salvação além de Jesus (Atos 4:10-12). Aqueles que rejeitaram o dom livre de graça de Deus em Jesus estão sob a ira de Deus (João 3:36), e eles não tem ninguém para culpar além de si mesmos. 

Precisamos entender que Deus não muda e Seus mandamentos devem ser obedecidos para que possamos ter um relacionamento amoroso e puro com Ele. No Antigo Testamento lemos: “De fato, eu, o Senhor, não mudo…” (Malaquias 3:6). E no Novo Testamento: “Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e para sempre” (Hebreus 13:8). 

Além de ser um Deus amoroso, Sua palavra também nos diz que Deus é um Deus de ira. O profeta Naum o resumiu de forma muito excelente. Escrevendo sobre o amor de Deus, ele disse: “O Senhor é bom, um refúgio em tempos de angústia. Ele protege os que nele confiam” (Naum 1:7). Mas alguns versos anteriores Naum fala sobre a santidade e a ira de Deus (Naum 1:2-3): “O Senhor é Deus zeloso e vingador! O Senhor é vingador! Seu furor é terrível! O Senhor executa vingança contra os seus adversários, e manifesta o seu furor contra os seus inimigos. O Senhor é muito paciente, mas o seu poder é imenso; o Senhor não deixará impune o culpado…. “ 

Deus quer uma pessoa se arrependa, é por isso que Ele enviou Seu Filho para conciliar-nos com Ele. Ao longo da Bíblia, Deus demonstra a Sua misericórdia, nunca derramando Sua ira sem aviso. Ele advertiu o mundo através da pregação de Noé por 120 anos. Ele tentou avisar Sodoma e Gomorra através de Abraão. Ele enviou Jonas e Naum para avisar a cidade pagã de Nínive. 

Ele enviou profeta após o profeta para chamar as nações de Israel e Judá para se arrependerem: “O Senhor, o Deus dos seus antepassados, advertiu-os várias vezes por meio de seus mensageiros, pois ele tinha compaixão de seu povo e do lugar de sua habitação. Mas eles zombaram dos mensageiros de Deus, desprezaram as palavras dele e expuseram ao ridículo os seus profetas, até que a ira do Senhor se levantou contra o seu povo, e já não houve remédio” (2 Crônicas 36:15-16). 

Ao estudarmos o livro de Apocalipse, lemos sobre a misericórdia de Deus em relação à Tribulação. Em vez de simplesmente derramar Sua ira sobre as nações rebeldes do mundo, destruindo-as em um instante com uma catástrofe esmagadora, Ele sujeita o mundo a uma série de julgamentos que aumentam sequencialmente em alcance e intensidade (Apocalipse 6, Apocalipse 8 e 9 e Apocalipse 16). 

Precisamos entender que não há nenhuma razão para qualquer filho de Deus temer a ira de Deus. Paulo escreveu que, como somos justificados pelo sangue de Cristo, “seremos salvos da ira de Deus através dele” (Romanos 5:9); e que “Deus não nos destinou para a ira, mas para recebermos a salvação por meio de nosso Senhor Jesus Cristo” (1 Tessalonicenses 5:9). 

Por favor, pergunte a si mesmo se você está sob a graça de Deus ou está sob Sua ira. Seria bom para você se juntar a um bom estudo bíblico onde a verdade da Palavra de Deus está sendo ensinada. Jesus está chegando em breve e quando Ele aparece, ou seu tempo acaba nesta Terra, você estará ausente do corpo e presente com o Senhor, ou você estará expulso para sempre da Sua presença? 

Você está sob graça ou ira? A escolha é sua. Esperamos que “ninguém os engane com palavras tolas, pois é por causa dessas coisas que a ira de Deus vem sobre os que vivem na desobediência” (Efésios 5:6). 

Deus é um Deus de grande Santidade e dignidade; Ele é digno de nossa humilde adoração, admiração e vida santa. Por favor “não se deixem enganar: de Deus não se zomba. Pois o que o homem semear, isso também colherá. Quem semeia para a sua carne, da carne colherá destruição; mas quem semeia para o Espírito, do Espírito colherá a vida eterna” (Gálatas 6:7-8).


Responses

  1. boa tarde, gostaria de receber mais lição biblicas

    muito obrigada, Deus lhe abençoe!!

    ________________________________

    • Boa tarde Rai, lhe vou enviar um email. Que a paz de Deus esteja com você.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: