Publicado por: mvmportugues | setembro 28, 2016

DEUS RESPONDE ÀS ORAÇÕES, E ÀS VEZES DEUS É SILENCIOSO – Salmo 83:1

psalm-83-vs-1-p

“Ó Deus, não estejas em silêncio! Não cerres os ouvidos nem fiques impassível, ó Deus!” (Salmo 83:1) 

Como crentes temos recebido respostas às nossas orações, bem como o silêncio de Deus. 

Há momentos em que sinceramente buscamos a Deus, mas em troca sentimos somente Seu silêncio. Quando isso acontece, o silêncio pode ser difícil, frustrante e nos tenta a duvidar. 

A Bíblia conta a história de um homem chamado Jó, que estava bem familiarizado com o silêncio de Deus. Em sua dor e sofrimento, ele clamou a Deus. Ele pediu respostas, e ficava perguntando, mas como aprendemos dos primeiros 37 capítulos do livro de Jó, seu choro por ajuda e alívio foram alcançados somente pelo silêncio de Deus. 

Tal como aconteceu com Jó, os cristãos não vão sempre ouvir a voz de Deus, mas podemos aprender algumas coisas práticas para fazer quando Deus parece estar silencioso. 

EXAMINE SUA VIDA 

Precisamos começar por fazer a pergunta, existe algum pecado não confessado na minha vida? Precisamos ter certeza de que nada nos está impedindo de ser capaz de ouvir a voz de Deus. 

Salmo 66:18 diz: “Se eu atender à iniquidade no meu coração, o Senhor não me ouvirá.” 

Temos que olhar internamente para ver se há qualquer motive incorreto. Devemos pedir ao Senhor que nos mostre se há alguma coisa que precisa ser removida ou limpada de nossa vida, e para nos revelar se há alguém que precisamos perdoar. A questão também deve ser: Existe alguma coisa ou alguém que eu amo mais do que Deus? 

A medida que Deus traz as coisas à nossa mente, precisamos rapidamente pedir pelo Seu perdão, porque, o arrependimento agrada a Deus e restaura a nossa comunhão com Ele. 

ACEITE A SOBERANIA DE DEUS 

Como Jó, nós também enfrentamos a escolha de reconhecer, ou rejeitar a soberania de Deus. Em resposta ao seu sofrimento e perda, a esposa de Jó sugere que ele amaldiçoe a Deus e morra. Seu mau conselho foi realmente a voz de Satanás falando por intermédio dela. 

Em vez de seguir o conselho dela, Jó opta por deixar Deus ser Deus. “Você está falando como uma doida. Aceitaremos o bem de Deus, e não receberíamos o mal? “, Ele respondeu. (Jó 2:10) 

Precisamos ter muito cuidado de quem recebemos aconselhamento. Pode soar espiritual vindo de “pessoas religiosas”, mas se o aconselhamento não é suportado pela Palavra de Deus, então é realmente a voz de Satanás tentando nos levar a desonrar a Deus por nossos pensamentos e ações. Quando isso acontece, nossa resposta deve ser como Jesus disse: “Vai-te, Satanás.” 

2 Coríntios 11:13-15 afirma:  Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo. 14 E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz. 15 Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.” 

Aceitar a soberania de Deus significa confiar ativamente Nele, sabendo que Ele está em controle e que podemos sempre esperar Nele. “Ainda que Ele me mate, Nele esperarei” (Jó 13:15). Nada na vida de Jó, ou na nossa, acontece além dos conhecimentos e o plano de Deus. 

Como aprendemos no início do Livro de Jó, Deus estava plenamente consciente de todas as coisas que estavam prestes a acontecer para Jó. Na verdade, Ele deu a Satanás permissão para fazer estas coisas na vida de Jó; mas lembre-se que em todo momento Deus estava em controle. 

OUÇA O QUE DEUS ESTÁ DIZENDO 

Embora Deus possa parecer estar em silêncio a respeito de um pedido ou uma petição específica, precisamos lembrar de que Ele está sempre presente na nossa vida. 

Quando estamos tão focados em nós mesmo, é possível ignorar uma resposta que Deus já tem para nós. Portanto devemos tomar tempo para ficar sozinhos com Ele, e estudar a palavra de Deus para descobrir o que Ele tem a dizer sobre os problemas que estamos enfrentando ou as questões que estamos perguntando. 

Ao lermos a Bíblia, precisamos pedir a Deus para falar com nós através do Seu Espírito Santo, que vive dentro de cada crente nascido de novo. Muitas vezes versos que conhecemos podem ter um novo significado aclarando os problemas actuais que estamos enfrentando. 

Devemos ter cuidado no entanto de não torcer as Escrituras para dizer o que nós queremos que elas signifiquem, de modo que acabamos por fazer as coisas à nossa maneira, e não da maneira de Deus. Lembre-se de que nosso Pai celestial tem Seu tempo para tudo. 

Além disso, não deixe que amigos, família ou pessoas religiosas os influencie, especialmente os que se recusam a obedecer as Escrituras e não deixam Jesus ser o Senhor de suas vidas. 

 O SILÊNCIO É A MANEIRA DE DEUS DIZER – ESPERE E CONFIE EM MIM 

O Evangelho de João conta uma história sobre os amigos de Jesus – Lázaro, Maria e Marta. Quando Jesus descobriu que Lázaro estava doente, Ele não se apressou para ir a sua casa para curá-lo. Em vez disso, Jesus ficou onde estava por mais dois dias (João 11:6). E antes que Jesus chegou a Betânia, Lázaro morreu. 

Para Maria e Marta, as irmãs de Lázaro, o silêncio de Jesus poderia ter sido interpretado como – Jesus não se importava ou não queria ajudá-los. Desta maneira é como nós às vezes podemos nos sentir quando Deus não responde imediatamente aos nossos pedidos de ajuda. 

Mas, como David escreveu: “Ó minha alma, espera somente em Deus, porque dele vem a minha esperança. Só ele é a minha rocha e a minha salvação; é a minha defesa; não serei abalado. Em Deus está a minha salvação e a minha glória; a rocha da minha fortaleza e o meu refúgio estão em Deus. Confiai nele, ó povo, em todos os tempos; derramai perante ele o vosso coração; Deus é o nosso refúgio.” (Salmo 62:5-8) 

Tal como aconteceu com David e Jó, o silêncio de Deus às vezes prova a profundidade de nosso relacionamento com nosso Pai celestial, porque quando Ele está em silêncio há uma razão, portanto, oramos, esperamos e confiamos Nele.

 


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: