Publicado por: mvmportugues | agosto 24, 2016

PENSE ANTES DE FALAR – Tiago 1:19-20

Tiago 1 vs 19-20

“Meus amados irmãos, tenham isto em mente: Sejam todos prontos para ouvir, tardios para falar e tardios para irar-se, 20 pois a ira do homem não produz a justiça de Deus.” (Tiago 1:19-20) 

Nossas palavras são muito poderosas, e têm o poder de edificar e de derrubar, o poder de inspirar e desanimar, o poder de encorajar ou desencorajar. Se você é um pai, um membro da família, um professor, um ministro, ou um amigo aqui estão cinco coisas simples para considerar. 

Na próxima vez, antes de dizer algo que você pode se arrepender, pergunte a si mesmo estas cinco perguntas. Se a resposta for “NÃO” a qualquer uma delas, você não vai querer dizer-las. Pense antes de falar! 

  1. É VERDADE
  • “Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.” (Filipenses 4:8)
  • “Os lábios que dizem a verdade permanecem para sempre, mas a língua mentirosa dura apenas um instante.” (Provérbios 12:19) 
  1. É ÚTIL? 
  • “Que nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem.” (Efésios 4:29) 
  1. É INSPIRADOR? 
  • “Ao contrário, encorajem-se uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama “hoje”, de modo que nenhum de vocês seja endurecido pelo engano do pecado.” (Hebreus 3:13)
  • “Apeguemo-nos com firmeza à esperança que professamos, pois aquele que prometeu é fiel. 24 E consideremos uns aos outros para nos incentivarmos ao amor e às boas obras.” (Hebreus 10:23-24) 
  1. É NECESSÁRIO? 
  • “O seu falar seja sempre agradável e temperado com sal, para que saibam como responder a cada um.” (Colossenses 4:6)
  • “Mas eu lhes digo que, no dia do juízo, os homens haverão de dar conta de toda palavra inútil que tiverem falado.” (Mateus 12:36) 
  1. É AMÁVEL? 
  • “Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade.” (Efésios 4:31)
  • “O que ama a pureza do coração e tem graça nos seus lábios terá por seu amigo o rei.” (Provérbios 22:11)
  • ” Pelo contrário, falando a verdade com espírito de amor, cresçamos em tudo até alcançarmos a altura espiritual de Cristo, que é a cabeça.” (Efésios 4:15)

Outra maneira de olhar à pensar antes de falar é considerar como reformular o que você tem a dizer, para que isto sigua o que a Bíblia nos ensina: 

Porque, “não é o que entra pela boca que faz com que alguém fique impuro. Pelo contrário, o que sai da boca é que pode tornar a pessoa impura.” (Mateus 15:11) 

Se nós nos chamamos de cristãos, “mas não controlamos a nossa língua, nos enganamos a nós mesmo. E nossa religião não tem valor algum!” (Tiago 1:26) 

Portanto, “quem quiser amar a vida e ver dias felizes, guarde a sua língua do mal e os seus lábios da falsidade.” (1 Pedro 3:10) 

Lembrando que, “a boca do justo profere sabedoria, e a sua língua fala do que é reto.” (Salmo 37:30)


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: