Publicado por: mvmportugues | março 24, 2014

ALCANÇANDO OS PERDIDOS PARA JESUS – Mateus 9:37-38

Mateus 9 vs 37-38

Então disse a seus discípulos:” Na verdade, a seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua colheita. Mateus 9:37-38

Observe, que Jesus tomou a iniciativa. Ele não esperava que as pessoas viessem a Ele; foi Ele que os buscou.  

Eles não buscão, eles devem ser buscados – eles não aprendem, eles devem ser ensinados – eles não virão a Jesus, a menos que eles sejam trazidos. 

Como verdadeiros crentes e seguidores de Cristo, temos o Espírito Santo vivendo em nós, e precisamos alcançar os perdidos para Jesus assim como Ele o fez. 

O que aconteceria se Jesus tivesse esperado por nós para chegar a Ele? Você acha que teríamos vindo? Jesus teve que ir atrás de cada um deles! Agora, a questão é esta: vamos estender a mão às pessoas que têm almas eternas, e o que estamos fazendo a cada dia para influenciar sua decisão e destino eterno? 

Em 9:36 Mateus escreve: “Ao ver as multidões, teve compaixão delas, porque estavam aflitas e desamparadas, como ovelhas sem pastor.” 

Os discípulos e Jesus olharam para a mesma multitude; mas Jesus viu algo que os discípulos não viram. Ele viu as magoas das pessoas. Ele viu pessoas assediadas por pressões, atormentadas pelo seu passado, exaustas pelo seu presente e assustadas com o seu futuro. Por que os discípulos não viram isso? Eles viram com seus olhos naturais e não com olhos espirituais. 

Mateus diz que Jesus “teve compaixão” para as pessoas em seu coração. Quando Jesus viu pessoas perdidas, Ele tinha uma profunda compaixão por elas. 

Devemos orar para ter a compaixão de Cristo, já que a compaixão é o amor em ação. (Mateus 22:36-40) 

Temos que ver as pessoas com os olhos de Jesus e devemos procurar agir. Isso significa estar consciente de suas mágoas e necessidades. Há momentos em que as pessoas são especialmente sensíveis às coisas espirituais. (1) Quando uma pessoa é recém-divorciada. (2) Quando uma pessoa perde um ente querido. (3) Quando uma pessoa se move para uma nova cidade. (4) Quando uma pessoa está no meio de dificuldades físicas. Durante estes tempos traumáticos na vida das pessoas elas são mais abertas ao evangelho. Devemos ser sensíveis ao Espírito e procurar cada oportunidade para compartilhar Cristo com aqueles que estão perdidos, ou tem a necessidade de retornar a Ele. 

Jesus prometeu-nos que há uma colheita abundante. O único problema é que: “Os trabalhadores são poucos”. No entanto, Deus está à procura de “trabalhadores” que querem colher a sua seara. Observe que Jesus não chama pastores, missionários, evangelistas , líderes ou especialistas; Ele chama os “trabalhadores.” 

A colheita requer esforço e Jesus se refere nesta passagem ao trabalho agrícola, que é muito parecido com o trabalho espiritual; é preciso de paciência e perseverança. Tristemente, colocando estas qualidades em ação está faltando em muitos crentes. No entanto, Jesus está chamando você e eu para a colheita final dos homens, mulheres, meninos e meninas que precisam de Jesus.

A colheita não é uma atividade fascinante ou vistosa que gera aplausos – é trabalho duro! 

Trabalharás para a colheita? É a única ocupação que vale a pena dedicar a sua vida. Em 9:38, Jesus termina com estas palavras penetrantes: “Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua colheita “. 

Embora a colheita já é Sua, deve ser recolhida. Para este fim, precisamos de trabalhadores abnegados (Mateus 10:1-42). Este é um comando claro, e a realidade do inferno deve ser uma enorme motivação para cada um de nós para alcançar o perdido, lembrando que, em última análise, é o Espírito Santo que é o verdadeiro ganhador de almas. Assim, é nossa responsabilidade de compartilhar a Palavra de Deus com aqueles que não conhecem a Cristo. O Espírito Santo, então, usa a Sua Palavra para apontar o pecado da pessoa e a justiça disponíveis através de Cristo. 

Jesus disse a seus discípulos, pouco antes de subir ao céu que eles receberiam poder quando o Espírito Santo veio e que eles deveriam ser Suas testemunhas, tanto em Jerusalém e nas partes mais remotas da terra. (Atos 1:8) Portanto, como Seus precisamos alcançar e ensinar a outros como conhecer o Salvador que morreu por todos nós. Pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus (Romanos 3:23). 

Há apenas uma vida que logo passará. E apenas o que é feito para Cristo durará.


Responses

  1. Reflexão muito construtiva. Deus abençoe.

    • Obrigado Matheus, que bom que a mensagem de Deus te edificou, nosso Senhor é sempre tão fiel. Bênçãos para você.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: