Publicado por: mvmportugues | fevereiro 15, 2011

Os lábios mentirosos são abomináveis ao Senhor – Provérbios 12:22

lpp

Provérbios 12:22 diz que os lábios mentirosos são abomináveis para Deus – “Mentir” significa dizer uma falsidade deliberada ou intencional.

O que a Bíblia diz sobre a mentira? A língua mentirosa não é algo que Deus somente odeia, é também algo que é uma abominação diante dele. Provérbios 6:16-19 diz: “Há seis coisas que o Senhor detesta”, (as últimas seis coisas que o Senhor odeia e as seguintes) há sete que ele abomina:

  1.  olhos altivos,
  2.  língua mentirosa, e
  3. mãos que derramam sangue inocente;
  4. coração que maquina projetos iníquos,
  5. pés que se apressam a correr para o mal;
  6. testemunha falsa que profere mentiras,
  7. e o que semeia contendas entre irmãos.”

O que constitui uma mentira, de acordo com a Bíblia? Qualquer coisa que não seja a verdade é uma mentira de acordo com a Palavra de Deus.

Como crentes, não devemos contar mentiras. Os cristãos não devem exagerar seu discurso, que é uma forma de mentir. Uma outra forma é o que algumas pessoas chamam de “mentirinhas” para não ferir alguém, e não altera que realmente seja uma mentira. Muitas vezes, precisamos orar e pedir por sabedoria, seleccionando cuidadosamente as palavras enquanto o Espírito Santo nos guia, mas não se deve mentir.

Existem muitas outras formas de mentira. Por exemplo, a hipocrisia é uma forma de mentira. 1 João 2:4 ensina que: “Aquele que diz: “Eu o conheço”, e não guarda os seus mandamentos é mentiroso e a verdade não está nele.”

Outra forma de mentir é fazer falsas promessas que podemos manter, mas simplesmente não as cumprimos. Números 23:19 diz: “Deus não é homem para que minta … Porventura, tendo ele dito, não o fará? ou, havendo falado, não o cumprirá? A implicação é que, quando uma pessoa faz uma promessa que poderia manter, mas se recusa a fazê-lo, ele ou ela mente. Deus não atua desta maneira, mas pessoas costumam fazer isto.

Depois, há a meia-verdade, em que uma pessoa diz uma coisa que é tecnicamente correta, mas deliberadamente omite factos importantes ou conta a história de tal maneira que leva as pessoas a chegar a uma conclusão falsa. No Antigo Testamento, por exemplo, os irmãos de José o venderam para ser escravo. Depois levaram seu casaco, mergulhado em sangue de um animal, para seu pai Jacó, e disseram que tinham encontrado este casaco. Jacó, é claro, concluiu que José havia sido morto por um animal selvagem, que é exatamente o que os filhos de Jacó queriam que ele acreditasse, mas eles nunca divulgaram a verdade (Gênesis 37:31-33). No entanto, eles tinham deliberadamente enganado seu pai para acreditar em uma mentira.

Mentira e engano não são reconciliáveis com a justiça. Se alguém é honesto e confiável, então esta pessoa não mente ou engana. Ser honesto e confiável é parte integrante de ser justos. Provérbios 13:5-6 diz: O justo odeia a palavra mentirosa, mas o ímpio se faz odioso e se cobre de vergonha. A justiça guarda ao que é reto no seu caminho; mas a perversidade transtorna o pecador.”

Apocalipse 21:8 diz que todos os mentirosos terão sua parte no lago de fogo, que é a segunda morte.

Como cristãos, nosso comportamento deve representar e manifestar o caráter da verdade de Deus. Mateus 5:37 diz: “Diga-se pois simplesmente, ‘Sim ou ‘Não . O que passa daí vem do maligno.”    

Efésios 4:15 nos diz que devemos “falar a verdade em amor” e um pouco mais adiante, no versículo 25, lemos: “Deixem a mentira e falem verdade uns com os outros…”

Assim se somos filhos de Deus, a verdade deveria ser evidente em tudo que fazemos. Devemos lembrar-nos de que o contrário da verdade é a mentira e o diabo é chamado “o pai de mentiras” João 8:44. Quando mentimos, estamos nos alinhando com o mau em vez de Deus. 

Como crentes, devemos nos abster de falar mentiras e pedir ao Senhor para nos dar convicção por intermédio do Espírito Santo quando mentimos, para que possamos imediatamente arrepender. Se amamos o nosso Senhor podemos ser vitoriosos!


Responses

  1. gostei deste provérbios

  2. em que ano surgiram os provérbios.

    • PROVÉRBIOS

      Data: Cerca de 950 aC
      Autor: Salomão, Agur e rei Lemuel

      Data
      Uma vez que o Livro de Provérbios é uma compilação, sua composição estendeu-se por um longo período, com a obra principal datada de cerca de 950 aC. Os caps. 25-29 são identificados como transcritos pelos “homens de Ezequias”, o que situa a cópia em cerca de 720 aC, embora o material em si fosse de Salomão, talvez retirado de um documento separado encontrado no tempo de Ezequias.

      Autor
      Salomão, rei de Israel, era filho de Davi e de Bate-Seba. Ele reinou por quarenta anos, de 970 a 930 aC, assumindo o trono quando tinha cerca de vinte anos de idade.

      Sem dúvida influenciado pelos Salmos escritos por seu pai, Salomão nos deixou mais livros do que qualquer outro escritor do AT, excetuando-se Moisés. Parece provável que Cantares de Salomão tenha sido escrito quando ele era um jovem romântico; Provérbios, quando estava mais maduro e no auge de seu poder; Eclesiastes, quando já estava mais idoso, mais inclinado a conclusões filosóficas— e talvez mais cínico. Se poder não se mostrava em campos de batalha, mas no domínio da mente: meditação, planejamento, negociação e organização.

      A reputação de Salomão para a sabedoria provém não apenas de seus resultados práticos, como no caso da disputa de um bebê (1Reis 3.16-27), mas também de declarações diretas das Escrituras. Em 1Rs 3.12 Deus diz: “Eis que te dei um coração tão sábio e entendido, que antes de ti teu igual não houve, e depois de ti teu igual se não levantará.” Em 1Reis 4.31 ele é considerado “mais sábio do que todos os homens”, seguindo um citação de vários nomes de homens sábios para comparação.

      A respeito de Agur (Provérbios 30:1) e do rei Lemuel (Provérbios 31:1) nada se sabe.

  3. muito boa a palavra em =)
    e que Deus continue abençoando a todos… que os lhe são fies!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: