Publicado por: mvmportugues | maio 24, 2011

SOMOS JUSTIFICADOS PELA FÉ – Romanos 3:21-26

Mas agora se manifestou uma justiça que provém de Deus, independente da Lei, da qual testemunham a Lei e os Profetas, justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo para todos os que crêem. Não há distinção, pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus, sendo justificados gratuitamente por sua graça, por meio da redenção que há em Cristo Jesus. Deus o ofereceu como sacrifício para propiciação mediante a fé, pelo seu sangue, demonstrando a sua justiça. Em sua tolerância, havia deixado impunes os pecados anteriormente cometidos; mas, no presente, demonstrou a sua justiça, a fim de ser justo e justificador daquele que tem fé em Jesus. Romanos 3:20-26

Você se lembra do dia em que você pediu a Jesus para ser o Senhor da sua vida e pediu a Ele para perdoar seus pecados? Primeiro você se arrependeu de seus pecados e depois confiou em Jesus Cristo. Nesse momento você estava justificado, ou declarado justo diante de Deus.

A palavra justificado é importante. Trata-se de seu status diante de Deus. Quando você põe a sua fé em Jesus, Deus, o juiz, transmite o veredicto que você é justo. Ele transfere o registro perfeito, sem pecado de Jesus para você.

Esta é uma graça maravilhosa, porque no primeiro instante que você acreditou, Deus completamente e  totalmente te perdoou todos os seus pecados. Ele não só destruiu o registro dos seus pecados, ele te creditou a retidão de Seu Filho.

Justificação significa ser declarado justo. É a nossa posição diante de Deus. A justificação é o que Cristo fez por nós. Ela se realiza imediatamente, e é completa na conversão. Isso significa que o crente que acabou de aceitar a Cristo ou o santo que já conhece Jesus por muitos anos estão justificados da mesma forma. Justificação
significa ser totalmente justificado diante de Deus.

Santificação, por outro lado é o trabalho contínuo. Uma vez que Deus declara justo um pecador, Ele imediatamente começa o processo de fazer o pecador mais como Seu Filho. O Senhor faz isso através do trabalho do Seu Espírito, através do poder da Sua Palavra e a comunhão com outros crentes. A primeira coisa que começa a acontecer é que Deus tira os nossos desejos para o pecado, Ele renova a nossa mente e muda a nossa vida. Este trabalho contínuo é chamado santificação.

Santificação é o processo de tornar-se mais semelhante a Cristo, de crescer em santidade. Este processo começa no instante em que você é convertido e não terminará até que você se encontrar face a face com Jesus.

A santificação implica o trabalho, tão capacitado pelo Espírito Santo que lutamos contra o pecado, estudamos as Escritura e oramos. Nós fugimos da tentação quando somos confrontados por ela. No processo de confiar no Senhor e buscar a santidade, estamos sendo conformados à imagem de Jesus Cristo. À medida que praticamos
a santificação – Cristo
trabalha dentro de nós. Em contraste, a justificação acontece uma vez por todas, após a conversão. Santificação é um processo. Seremos mais santificados, enquanto continuamos motivados em obediência de graça.

” Portanto, ninguém será declarado justo diante dele baseando-se na obediência à Lei . . .” - Romanos 3:20. Nenhum de nós pode ganhar a aprovação de Deus e Seu amor por nossas boas obras. Nenhum de nós pode acrescentar ao trabalho concluído e completo de Jesus na cruz. Ele pagou o preço pelos nossos pecados.

Nossa participação no processo de santificação só vem depois que fomos totalmente aceitados diante de Deus através da fé em Jesus. Então, se nós o amamos, devemos trabalhar duro obedecendo à palavra de Deus. Nós lemos a Bíblia, oramos e meditamos nas Escrituras. Nós memorizamos versículos bíblicos e compartimos o evangelho.

Precisamos lembrar que não é através de obras que estamos justificados. Nosso trabalho é motivado pela graça que Deus derramou em nossas vidas.

Louvado seja Deus que podemos nos aproximar de seu trono, com confiança, porque os crentes são revestidos da justiça de Jesus Cristo.

About these ads

Responses

  1. [...] por conta propria. Nos três primeiros versos acima, Paulo quer que eles (e nós) entendamos que a santificação vem por confiar no poder do Espírito Santo pela fé. Ele chamou os Gálatas de tolos por [...]

  2. Muito obrigado! Tirou uma grande dúvida minha!
    Abs

    • Que bom que você agora não tem mais dúvida. Estamos agradecidos com Deus por isso. Abraço e muitas bênçãos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 177 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: